Oito dicas para passar em qualquer vestibular

Passar no tão temido vestibular é o terror de quase todos os pré-vestibulandos, mas a prova não precisa se tornar um pesadelo. Um bom planejamento é a chave para o sucesso, mas umas dicas também ajudam bastante, por isso, se ligue nessas 8 dicas infalíveis para conseguir a tão sonhada aprovação.

1. Ensine aos seus colegas

Todo mundo é muito bom em alguma coisa. Certamente há alguma matéria em que você tem mais habilidades e que conseguiria ensinar a outro colega sem grandes dificuldades. Uma das formas de melhor fixar um conteúdo é quando você ensina ele para outra pessoa. Portanto, a dica aqui é espalhar esse conhecimento que você já tem com outros colegas, pois assim você irá auxiliar seu cérebro a sedimentar as informações com mais precisão.

2. Pratique questões de vestibulares anteriores

A máxima de que a prática leva a perfeição é bem verdadeira, por isso, fazer questões de certames anteriores ajudará você a aprender na prática os assuntos abordados em sala de aula e de quebra fará com que você entenda a lógica de como cada instituição constrói suas provas e o que elas priorizam quando cobram em cada disciplina. Por isso, faça muitas questões de vestibulares anteriores, resolva todas as questões que puder e depois veja as respostas - se houverem questões comentadas melhor ainda! - assim você ficará cada vez mais seguro/a antes da prova do vestibular.

3. Escreva redações

Escreve bem, quem lê bem, ou seja, para escrever corretamente de acordo com a norma culta, você precisa ler. Ler livros, revistas, artigos acadêmicos, colunas de jornal. Diversificar e ampliar seu espectro de leitura para conseguir não só construir um texto baseado em argumentos bem fundamentados, como realizar contrapontos com assuntos que podem ser difíceis ou espinhosos, como cotas em universidades, direito ao aborto, feminismo, machismo, intolerância religiosa, eutanásia etc. Quanto mais você se informa, melhores serão seus textos pois você conseguirá concatenar suas ideias numa ordem lógica e coerente.

4. Simule as provas

Sempre que você puder a cada ciclo de estudos concluído, simule a prova do vestibular. Tire um dia para realizar provas antigas cronometrando o tempo que você teria para responder no dia da prova, longe de celular, internet, calculadora, enfim, tal qual seria um dia de prova de vestibular de verdade. Isso vai te ajudar a se adaptar ao ambiente que você terá que enfrentar no dia da prova.

5. Durma pelo menos 6h por noite

Todo mundo sabe que os conteúdos são muito extensos e nem sempre é possível dar conta de tudo ao mesmo tempo. E na tentativa de conseguir estudar tudo o que foi visto em sala de aula muitos estudantes caem na tentadora armadilha das viradas de noite. Acredite, isso pode funcionar no comecinho, mas depois de um bom tempo fazendo isso, seu corpo e sua mente já estarão esgotados e nada que você leia vai ser apreendido. Portanto, durma no mínimo 6 horas por noite, só com o corpo descansado você terá a capacidade de aprender o necessário para ter um bom desempenho nas provas.

6. Esqueça a internet e as redes sociais na hora do estudo

Com tamanho acesso à internet e às redes sociais, é muito fácil se distrair e perder o foco, afinal, quem não termina por se atrair pelos inúmeros gifs e vídeos divertidos que viraram a sensação do momento? No entanto, uma das coisas mais importantes é manter o foco e ser disciplinado quando o assunto é vestibular, pois a quantidade de conteúdo que precisa ser estudado é muito extenso e cada minuto é precioso e pode fazer grande diferença no resultado final. Então, a dica aqui é: desligue o celular, e fique longe do computador. Busque sempre lugares tranquilos e silenciosos para você estudar, de preferência aonde ninguém possa lhe interromper.

7. Foque nas suas dificuldades

Essa dica parece óbvia mas muitos alunos caem na besteira de estudar aquilo que já sabem bem, e deixam suas maiores dificuldades para depois. Essa estratégia de manter-se na própria zona de conforto pode custar sua aprovação no vestibular, por isso, enfrente suas maiores dificuldades dos conteúdos da prova e dedique-se mais a esse setor. De nada adianta você saber resolver uma questão de geometria analítica se não sabe o que foi a política café-com-leite do Brasil.

8. Faça acompanhamento terapêutico

Para muita gente essa última dica pode parecer um exagero, mas se existir disponibilidade de tempo e dinheiro para você, faça terapia durante o  seu ano de estudos para o vestibular. Ao contrário do que muitos pensam, não é perda de tempo, ou algo reservado apenas para pessoas em sofrimento psíquico agudo. Terapia ajuda muito a centrar nossas questões internas e dar equilíbrio mental e emocional para lidar com toda a pressão e adversidade que os estudos exigem do estudante. Muitas pessoas perdem em certames mesmo estando muito bem preparadas, justamente porque o lado emocional está altamente fragilizado. Se você pode, faça terapia, essa pode ser a chave da sua aprovação no vestibular.

Por Taísa Silveira. Publicado originalmente em http://www.uninassau.edu.br/noticias/8-dicas-para-passar-em-qualquer-vestibular

Av. Santo Antônio, 806 - Ponto Central - Feira de Santana/BA
contato@verboestudantil.com.br | (75) 3612-6500